As decisões de Deus são insondáveis

cascatas33 como é profunda a riqueza, a sabedoria e a ciência de Deus! Como são insondáveis as suas decisões, e como são impenetráveis seus caminhos! 34 Quem poderá compreender os pensamentos do Senhor? Quem foi o seu conselheiro? 35 Quem lhe emprestou alguma coisa, para que Ele tenha algo a devolver? 36 Porque todas as coisas vêm dele, por meio dele e vão para ele. A ele pertence a glória para sempre. Amém

“Contemplando o final da história, quando a humanidade toda se reúne, salva por Deus, Paulo tem exclamações de admiração e adoração.”

Reflexão:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amados irmãos e irmãs, esta passagem é bem pequena, mas observemos a profundidade dos pensamentos de São Paulo. A riqueza, a sabedoria e a ciência de Deus. E não precisamos ir longe basta meditar um pouco sobre a criação e vamos mais perto ainda a nossa criação o nosso corpo, vejamos a sabedoria de Deus no funcionamento do nosso corpo. Falando agora dos caminhos e dos pensamentos do Senhor. Somos todos criaturas, fomos criados por Deus; somente Jesus foi gerado por Ele, e o amor Dele por nós é tão grande que ainda assim Ele enviou seu único Filho a morrer por nós. E não foi uma morte qualquer foi a pior das condenações que existia na época; a morte de cruz era apenas para crimes hediondos, assim Deus manifesta sua misericórdia mesmo para os piores pecadores porque Jesus dessa maneira assumiu o pecado de todos sem distinção desde que exista o arrependimento; e concede a vida eterna a todos aqueles que estejam dispostos a recebê-la. Assim procedemos de Deus, pertencemos a Deus e voltaremos a Deus. Tudo é Dele e a ele pertence à Glória, O Louvor e Toda Adoração, pelos séculos. Amém. Assim seja. Paz e Misericórdia!

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Deus não volta atrás

images (22)25 Irmãos, não quero que vocês ignorem este mistério, para que vocês não se tornem convencidos: o endurecimento de uma parte de Israel vai durar até que chegue a plenitude das nações. 26 Então, todo o Israel será salvo, como diz a Escritura: “De Sião sairá o libertador, ele vai tirar as impiedades de Jacó; 27 essa será a minha aliança com eles, quando eu perdoar os seus pecados.” 28 Quanto ao Evangelho, eles são inimigos, para vantagem de vocês; mas, quanto a eleição, ele são amados, por causa dos patriarcas, 29 porque os dons e o chamado de Deus são irrevogáveis. 30 Vocês foram desobedientes a Deus, e agora, pela desobediência deles, vocês conseguiram misericórdia. 31 Do mesmo modo, também eles agora desobedeceram, a fim de que, pela misericórdia feita a vocês, eles consigam a misericórdia para eles. 32 Deus encerrou todos na desobediência, para ser misericordioso com todos.

“O povo de Israel não foi rejeitado para sempre, porque Deus não volta atrás em sua escolha. O futuro da salvação permanece aberto ao povo da promessa. Através de uma história misteriosa, o Senhor continua a guiá-lo para mostrar a todos que salva porque ama, pois a sua misericórdia é dirigida a todos.

Reflexão:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amados Irmãos e irmãs, Deus não volta atrás em suas escolhas isto deve nos servir de motivação para continuarmos sempre em frente em nossa caminha rumo ao céu; pois embora tenhamos nossas quedas Deus sempre estará pronto a nos perdoar e nos levantar desde que não nos acomodemos em nossos erros. A salvação está disponível a todos assim como a misericórdia divina: não nos cabe querê-la apenas aceitá-la, no entanto esta decisão é nossa temos em nossas mãos o direito de decisão, pois disso Deus não nos priva. Ele nos deu o livre arbítrio para tomarmos nossas próprias decisões se vamos aceitar ou não a salvação que Ele nos oferece é conosco, mas se aceitarmos Ele nos auxiliará até o fim em nossa escolha, se decidirmos que não nem por isso Ele nos abandona Ele aguarda durante todo o tempo de nossa vida para ver se mudamos de idéia, como São Paulo fala dos israelitas que são destinados a salvação. Deus é extremamente paciente só não podemos fazê-lo de bobo porque isso Ele não é. Ele conhece o que se passa em nosso coração e na nossa mente e sabe quando somos sinceros em nossas intenções. Então hoje eu convido a todos a tomarmos uma firme decisão de viver com fidelidade os planos que Deus traçou para nossa salvação esse é o único meio de encontrar a felicidade, servir a Deus por livre e espontânea vontade. Que Deus lhe dê toda a força e coragem para continuar no caminho rumo ao céu. Amém Assim seja. E que dos céus abençoe a todos. Paz e Misericórdia!

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

A raiz sustenta a árvore

CJ70316 Se os primeiros frutos são santos, toda a massa também será santa; se a raiz é santa, os ramos também serão santos. 17 Se alguns ramos foram cortados, e você, oliveira selvagem, foi enxertada no lugar deles e agora recebe a seiva das raízes, 18 não se envaideça nem despreze os ramos. Se você se orgulha, saiba que não é você que sustenta a raiz, mas a raiz que sustenta você. 19 Você poderá dizer: “Os ramos foram cortados para que eu fosse enxertada”. 20 Certo! Mas eles foram cortados por causa da falta de fé deles, ao passo que você permanece firme pela fé. Não fique cheia de soberba, mas de temor, 21 porque, se Deus não poupou os ramos naturais, também não poupará você. 22 Considere, portanto, a bondade e severidade de Deus: severidade para com aqueles que caíram, mas bondade de Deus para com você, sob a condição, porém, de que seja fiel a essa bondade. Do contrário, você também será cortada. 23 Quanto a eles, se não permanecerem na falta de fé, serão enxertados, pois Deus é capaz de enxertá-los de novo. 24 Pois, se você foi cortada de uma oliveira selvagem e contra a natureza foi enxertada na oliveira boa, tanto mais eles poderão ser enxertados na própria oliveira boa à qual pertencem.

“Os pagãos convertidos seriam tentados a desprezar os judeus. Paulo, então, lembra que o cristianismo nasceu do povo judaico e que os pagãos convertidos são como enxerto no povo de Deus. E ainda mostra, pela mesma comparação, que os judeus podem aderir ao Evangelho e produzir frutos com maior facilidade, pois pertencem à raiz original. Por outro lado, também os pagãos convertidos correm o perigo de perder a fé e ser cortados do tronco onde foram enxertados.”

Reflexão:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amados irmãos e irmãs, todos nós sofremos a desventura do orgulho; alguns mais outros menos, mas ninguém pode se dizer totalmente livre dele, pois é algo que já nasce com a gente, mas não é por isso que temos que deixá-lo nos dominar; ao contrário devemos combatê-lo constantemente para ao menos subjugá-lo dentro de nós, esse é o único meio de sermos fiéis a Deus, porque o orgulho ataca diretamente a nossa fé. Por isso é que São Paulo exortava tanto os pagãos convertidos a não se orgulharem, nós também corremos o perigo de que a nossa fé seja aniquilada se não vigiarmos. Mas nosso Deus é tão amoroso que sabendo disso não nos desampara Ele esta sempre perto de nós mesmo quando nos distanciamos Dele, busquemos então corresponder ao amor de Deus com confiança filial, vamos correr a Ele em todos os momentos da nossa vida, seja na dor, no sofrimento, nas dificuldades, nas aflições, mas não O deixemos de lado também nas conquistas, nas vitórias, nas alegrias. Vamos nos unir a Deus em todo instante e estaremos sempre em muito boa companhia. Que os céus se abram e derramem todas as graças para assim vivermos. Amém. Assim seja. Deus abençoe a todos hoje e sempre. Paz e Misericórdia!

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Israel e a salvação dos pagãos

Pastor11 Agora eu pergunto: Será que eles tropeçaram para ficarem caídos? De jeito nenhum! Mas assim aconteceu para que a queda de Israel tornasse possível a salvação para os pagãos, e para que Israel ficasse com ciúme. 12 Ora, se a queda de Israel se tornou riqueza para o mundo e se sua decadência se tornou riqueza para os pagãos, o que não será a total participação de Israel na salvação! 13 Portanto, digo a vocês, pagãos: como apóstolo dos pagãos, eu honro o meu ministério, 14 para ver se provoco o ciúme dos que pertencem a minha raça, e se consigo salvar alguns deles. 15 Pois se o fato de eles serem rejeitados trouxe a reconciliação do mundo, o efeito da reintegração deles será a ressurreição dos mortos.

“Mal acolhido por grande parte de Israel, o Evangelho pode ser anunciado aos pagãos, e assim a Igreja se liberta do regime judaico. Esse fato deveria provocar o ciúme de Israel e chamar sua atenção para Cristo. Paulo espera e entrevê a conversão de Israel como uma ressurreição.”

 REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo, amados irmãos e irmãs; falando hoje quem é esse Israel tão amado por Deus, senão cada um de nós? Temos tantos caminhos que corremos continuamente o risco de nos afastarmos de Deus; e eu os convido a pensar um pouquinho. Quando vemos uma pessoa feliz, que busca viver com Deus e procura uma vida mais intima com Ele nos incomodamos ou ficamos felizes com esta pessoa? Se ficamos felizes isso é maravilhoso, porque significa que também nós estamos vivendo com Deus. Mas se nos incomodamos: precisamos rever a nossa vida para descobrir onde foi que perdemos o contato com Esse Deus tão amoroso e Misericordioso, que nos permite sentir esse ciúme para que voltemos a Ele. A conversão não é algo que se consegue de uma hora pra outra, ninguém pode dizer que já está convertido. Pois a conversão se conquista no dia-a-dia vencendo uma batalha de cada vez, e essa batalha só terá fim no ultimo suspiro, no entanto não podemos desanimar, pois estas lutas são necessárias para o fortalecimento de nosso espírito. E como diz São Paulo: “Só será coroado que legitimamente combater” E então você está disposto ou disposta a entrar neste exército? Se sim sejam bem-vindos e não se preocupem Nosso Senhor se encarregará de nos conceder as armas e os meios para vencermos e a Vitória será Dele. E O glorificaremos por toda a eternidade. Amém. Assim seja. Paz e Misericórdia!

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Israel não acolheu o Evangelho

EvangelhoDia07022013Trespass14 Ora, como poderão invocar aquele no qual não acreditam? Como poderão acreditar se não ouviram falar dele? E como poderão ouvir, se não houve quem o anuncie? 15 Como poderão anunciar se ninguém for enviado? Como diz a Escritura: “Como são belos os pés daqueles que anunciam boas noticias!” 16 Mas nem todos obedeceram ao Evangelho Isaías diz: “Senhor, quem acreditou em nossa pregação?” 17 A fé depende, portanto, da pregação, e a pregação é o anúncio da palavra de Cristo. 18 Agora, eu pergunto: Será que eles não ouviram? Ao contrário: pela terra inteira correu a voz deles e suas palavras foram até os confins do mundo. 19 Pergunto ainda: Será que Israel não entendeu? Moises já dizia: “Farei com que vocês tenham ciúmes de um povo que não é povo; provocarei a ira de vocês contra um povo insensato”. 20 Isaías até ousa dizer “Fui encontrado por aqueles que não me procuravam; manifestei-me para aqueles que não perguntavam por mim.” 21 Ao passo que sobre Israel, Isaías diz: “O dia todo estendi as mãos a um povo desobediente e rebelde.”

“Deus preparou tudo o que podia para conduzir Israel à salvação. Faltou apenas o último elo da corrente, justamente aquele que dependia da disposição de Israel: a fé. Esse povo, preparado para o encontro com Deus, não compreendeu sua palavra. Deus, então, foi encontrado por aqueles que não o procuravam, os pagãos.”

REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amados irmãos e irmãs, como são belos os pés daqueles que anunciam boas noticias. Estes pés são daquelas pessoas que tudo deixaram; família, profissão, amigos e muitas coisas que elas poderiam possuir, porém, pela causa do Reino de Deus, abandonam a tudo, para seguir somente o que pertence à vontade de Deus, mesmo quando para isso são caluniados, perseguidos, injuriados e é fielmente obediente a vontade do Pai Eterno. Embora tudo isso leva-nos a total incompreensão, o ser mal entendido, mas eles recebem a alegria de viver somente pelo Reino. Seguir fielmente esta estrada requer uma renuncia total, mas é como uma pessoa que encontra um terreno com pedras preciosas vende tudo para comprar aquele tesouro encontrado. Eu convido vocês irmãos e irmãs, pense nesta obra prima, neste tesouro, nesta felicidade, porque a alegria maior não é o gozo aqui, e sim o Paraíso Celeste. Vamos nessa? Deixar tudo para adquirir este tesouro vai valer apena. Eu te espero. A decisão é pessoal, ninguém poderá decidir por você. É só você. Peçamos uma benção especial para uma missão especial? Te aguardo nesta jornada de amor maior. Amém. Assim seja. Paz e Misericórdia!

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

O erro de Israel

abwasOT29-577x40030 O que diremos então? Os pagãos, que não procuravam a justiça, alcançaram a justiça, mas a justiça que vem da fé; 31 ao passo que Israel procurava uma lei que lhe trouxesse a justiça, mas não conseguiu essa lei. 32 Por quê? Porque não a procurou através da fé, mas através das obras. Esbarraram na pedra de tropeço, 33 conforme diz a Escritura: “Eis que eu ponho em Sião uma pedra de tropeço, uma rocha de escândalo; mas quem acreditar nela não será confundido.”

Ao procurar a salvação numa lei, os judeus esbarraram num beco sem saída; não foram capazes de observar, nem de compreender que a finalidade e realização dessa lei era Jesus Cristo. Os pagãos, sem o instrumento da Lei, passaram direto para a fé em Jesus Cristo; é Ele a finalidade e realização da Lei; é Ele o único apoio seguro para se atingir a salvação.”

REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amados irmãos e irmãs, todos que procuraram uma lei fácil, uma lei que não fosse pela fé e sim, mais cômoda, sem exigência, uma lei fora do projeto de Deus, iam buscar através dos deuses pagãos eram mais correspondente aos seus caprichos, suas próprias vontades; foi aí que tropeçaram em uma pedra de tropeço, em uma rocha de escândalo. Ao contrário aquele que crê no Deus Verdadeiro, no Deus da Vida esse sim, irá chegar a um destino saudável, amoroso, misericordioso, pois pela própria fé chegarão a encontrar com o próprio Filho de Deus que é Jesus Cristo. De que lado queremos ficar? Qual a Lei que queremos acolher? Queridos irmãos e irmãs, podemos acolher a Lei de Deus, que são os Madamentos da Lei Santa, assim iremos abraçar as maravilhas que vem através do Amor Misericordioso de Jesus Cristo, Ele que é o Projeto Vivo do Amor de Deus. Caso queira ficar do lado de Jesus, vamos entrar na grande corrente do Amor Misericordioso, para podermos nos purificar de tudo aquilo que não faz parte deste projeto de amor maior, conto com todos vocês nesta fileira dos que buscam o melhor para si e para a sua família. O melhor é o Reino de Deus prometido para aqueles que forem fieis, honestos e íntegros a Lei Santa de Deus. Que Deus abençoe a todos. Assim Seja! Amém! Paz e Misericórdia!

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

A Soberana Liberdade de Deus

visitation_VNS31maio201314 Que diremos então? Que Deus é injusto? De jeito nenhum! 15 Ele mesmo disse a Moisés: “Farei Misericórdia a quem eu fizer misericórdia, e terei piedade de quem eu tiver piedade”. 16 Portanto, a escolha não depende da vontade ou do esforço do homem, mas da misericórdia de Deus. 17 Por isso a Escritura diz ao Faraó: “Eu fiz você nascer precisamente para mostrar em você o meu poder e para que o meu nome seja celebrado em toda a terra.” Portanto, Deus usa de misericórdia com quem Ele quer, e endurece a quem Ele quer.  19 Você me dirá então: “Por que Deus ainda se queixa? Quem pode resistir à vontade Dele?” 20 Mas, quem é você, homem, para discutir com Deus? Por acaso, o vaso de barro diz ao oleiro: “porque você me fez assim?” 21 Por acaso o oleiro não é dono da argila, para fazer com a mesma massa dois vasos, um para uso nobre e outro para uso comum? 22 Ora, Deus quis manifestar a sua ira e mostrar o seu poder, suportando com muita paciência os vasos da ira, já prontos  para a perdição. 23 Deus assim fez para mostrar a riqueza da sua glória para com os vasos de misericórdia, que Ele havia preparado para a glória, 24 isto é para conosco, a quem Deus chamou, não só dentre os judeus, mas também dentre os pagãos. 25 Como Ele disse em Oséias: “Chamarei Meu — povo àquele que não é meu povo, e Amada àquela que não é amada. 26 E acontecerá que, no mesmo lugar onde foi dito a eles: ‘vocês não são meu povo’, aí mesmo serão chamados filhos do Deus Vivo”. 27 E quanto a Israel, Isaias proclama: Mesmo que o número dos israelitas seja como a areia do mar, o resto é que será salvo; 28 Por que Deus cumprirá sua palavra sobre a terra com plenitude e rapidez. 29 E ainda como Isaías havia predito: Se o Senhor dos Exércitos não nos tivesse deixado uma descendência, ficaríamos como Sodoma e nos tornaríamos como Gomorra.

“Neste texto não devemos procurar uma doutrina fatalista sobre a predestinação. Paulo apenas salienta os imprevisíveis chamados de Deus, que age soberanamente, escolhendo homens e povos como instrumentos do seu projeto. Ao escolher, Deus é soberanamente livre; não é obrigado nem a ter misericórdia nem a punir. Isso não quer dizer que Deus seja injusto. Um vaso reclama contra o oleiro? Pode o homem pedir contas a Deus? Os profetas anunciaram tanto a salvação dos pagãos como a eleição de Israel”.

REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amados irmãos e irmãs, vimos ontem que Deus escolhe quem Ele quer para o seu serviço. Hoje percebemos que Deus terá misericórdia com quem Ele quer; escolhe quem Ele quer chamar, Ele é soberanamente livre para fazer o que quer como quer e a quem Ele quer. Não depende do desejo da sua criatura para fazer o que ela quer. Por isso nós precisamos estar sempre vivendo com profunda honestidade, com grande integridade e com veracidade. Deus olha sempre aqueles que têm um coração puro e as mãos limpas, isto é aqueles que nunca fazem mal aos irmãos e irmãs. Por isso quanto mais fiéis formos, quanto mais sinceros e honestos; mais próximos de Deus estaremos. Que Deus abençoe a todos e que sejais os preferidos do Pai Eterno. Assim Seja! Amém! Paz e Misericórdia!

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

O verdadeiro Israel

Romanos 9, 6-13

JACÓ PROFETIZA O FUTURO DAS TRIBOS DE ISRAEL6 palavra de Deus, porém, não falhou, pois nem todos os nascidos de Israel, são Israel, 7 e nem todos os descendentes de Abraão são filhos de Abraão. Não: “É de Isaac que sairá a descendência de Abraão.” 8 Isto é a geração natural que torna filhos de Deus, mas os filhos da promessa é, que são considerados descendentes. 9 De fato, as palavras da promessa são estas: “Por essa época voltarei, e Sara terá um filho.” 10 E isso não é tudo. Também Rebeca concebeu de um só homem, de Isaac, nosso pai. 11 Quando o filho dela ainda não havia nascido e nada tinham feito de bem ou de mal — isso para que ficasse confirmada a liberdade da escolha de Deus, 12 dependendo não das obras, mas daquele que chama — então foi dito a Rebeca: “O mais velho será servo do mais novo”, 13 como diz a Escritura: “Amei a Jacó mais do que a Esaú”.

“Os privilégios ou promessas de Deus a Israel não falham. O verdadeiro Israel, herdeiro das promessas, não são os filhos carnais de Abraão, mas aquele que tem fé, como ele teve. Além disso, Deus escolhe quem ele quer para colocar a seu serviço, a fim de assegurar a realização do seu projeto na história”.

REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amados irmãos e irmãs, a palavra de nosso Deus jamais falhou, quando nem todos são os nascidos de Israel, nem todos são Israel, interessante é que nem todos são descendentes de Abraão, isto pela falta de fé, pela infidelidade, por terem se distanciado da presença do Deus Verdadeiro, pois os verdadeiros herdeiros de Deus são aqueles que têm fé como o próprio Abraão teve. Sabemos que em nada a promessa de Deus vem a falhar; pois Ele escolhe quem Ele quer para colocar a Seu serviço: mas, ao contrário de tudo isso é a criatura Dele que aos poucos vai se distanciando, procurando deuses falsos, deuses pagãos; um deus que é estátua, tem olhos e não vê; tem ouvidos e não escuta; tem boca e nem se quer pronuncia uma palavra. Pelas Escrituras, percebemos que Deus sempre caminhou com seu povo, falou com seu povo, manifestou ao seu povo, revelou-se ao seu povo através do Seu Divino Filho Jesus Cristo. O nosso Deus é o Deus Vivo, não é um Deus morto. Hoje eu convido a todos a sermos fiéis ao nosso Deus nesta estrada da vida, assim jamais desviaremos da verdadeira estrada, pois Jesus disse: “Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida”, isto é maravilhoso, podermos segui-Lo numa constante fidelidade, uma fidelidade na fé uma correspondência no amor misericordioso. “Que Deus seja louvado em cada um de vocês que hoje adentrarem neste blog. A todos uma benção especial, para uma missão muito especial”. Assim Seja! Aleluia! Paz e Misericórdia!

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Fidelidade de Deus e Incredulidade de Israel

                  images (20)OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Os privilégios de Israel — 1 Digo a verdade em Cristo, não minto, e disso me dá testemunho a minha consciência pelo Espírito Santo: 2  tenho uma grande dor e um contínuo sofrimento no coração. 3 Sim, eu gostaria de ser amaldiçoado e separado de Cristo em favor dos meus irmãos de raça e sangue. 4 Eles são israelitas e possuem a adoção, o culto e as promessas; 5 desses são os patriarcas e deles nasceu Cristo segundo a condição humana, que está acima de tudo. Deus seja bendito para sempre. Amém.

“Paulo analisa a situação do povo de Israel, procurando responder à difícil questão: Não é uma contradição o fato de que o próprio povo escolhido, portador da história da salvação, tenha rejeitado Jesus e se tenha excluído da salvação? Esse problema escandalizava judeus e pagãos e comprometia o êxito do Evangelho”.

REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amados irmãos e irmãs, a nossa vida de testemunho, vem revestida do poder do Espírito Santo, isto porque o cristão que segue Jesus Cristo mesmo quando em meio à dor e o sofrimento, buscam em tudo a fidelidade, a fé, a honestidade e a integridade dos seguidores, os discípulos e discípulas vivendo do amor recíproco, o amor generoso, o amor revestido da ação misericordiosa do Divino Espírito Santo. Precisamos ter uma consciência pura diante daquilo que queremos seguir; há dois caminhos, pois o Senhor Deus deixa o homem e a mulher ao seu livre arbítrio em tudo, há uns que seguem pra valer uma vida honesta, fiel, de fé; enquanto outros não suportando a sinceridade, a integridade, por serem elementos falsos, mentirosos, vivem fazendo tamanho mal que não terão o PERDÃO nem de Deus e nem do irmão e da irmã, pois se acham os poderosos, maléficos, prepotentes, as vezes chegam a ter uma prática tão maléfica que tem uma fisionomia da Serpente naja; não duvide nunca, nós conhecemos, o que elas fazem chegam a matar os filhos de Deus, quando esses são fracos na fé e estão longe de Deus. Entremos urgente em defesa pessoal com a companhia dos Arcanjos “Valei-nos São Miguel, São Gabriel e São Rafael”. Paz e Misericórdia!

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Ninguém pode impedir o projeto de Deus

Romanos 8,31-39

bebes-16178531 O que nos resta dizer? Se Deus está a nosso favor, quem estará contra nós? 32 Ele não poupou seu próprio Filho, mas o entregou por todos nós. Como não nos dará também todas as coisas junto com o seu Filho. 33 Quem acusará os escolhidos de Deus? Deus quem torna justo! 34 Quem condenará? Jesus Cristo? Ele que morreu, ou melhor, ressuscitou que está à direita de Deus e intercede por nós? 35 Quem nos poderá separar do amor de Cristo? A tribulação, a angústia, a perseguição, a fome, a nudez, o perigo, a espada? 36 Como diz a Escritura:  “Por tua causa somos considerados como ovelhas destinadas ao matadouro. 37 Mas em todas essas coisas somos mais do que vencedores por meio daquele que nos amou. 38 Estou convencido de que nem a morte nem a vida, os anjos nem os principados, nem o presente nem o futuro nem os poderes, 39 nem as forças das alturas ou das profundidades, nem qualquer outra criatura, nada nos poderá separar do amor de Deus, manifestado em Jesus Cristo, nosso Senhor.

“Com o amor de Deus, manifestado em seu Filho, nada mais temos a temer nem dificuldades, nem perseguições, nem martírio, nem qualquer forma de dominação. Nada poderá desfazer o que Deus já realizou. Nada poderá impedir o testemunho dos cristãos. E nada poderá opor-se à plena realização do projeto de Deus”

REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amados irmãos e irmãs, nossa grande alegria é saber que o nosso Deus está em favor daqueles que são sinceros, são honestos, e vivem na integridade. Ele enviou o seu próprio Filho para nos salvar, nos libertar; é sabido que o nosso Deus por todos nós Ele não poupou o Seu Filho Jesus Cristo, então o que poderá Ele nos negar? Que Deus abençoe a todos. Amém. Assim Seja. Paz e Misericórdia!

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário