A honra de Deus em jogo

                                                  Salmo 143, 1-12

 SAMSUNG DIGITAL CAMERA

 1 Javé ouve a minha prece! Tu és fiel, atende as minhas súplicas! Tu és justo, responde-me! 2 Não entres em julgamento contra o teu servo, pois, diante de ti, nenhum vivente é justo! 3 O inimigo me persegue, esmaga por terra a minha vida, e me faz habitar nas trevas, como aqueles que  estão mortos para sempre. 4 Meu alento já vai desfalecendo, e dentro de mim meu coração se assusta. 5 Recordo os dias de outrora, medito em todas as tuas ações, refletindo sobre a obra de atuas mãos. 6 Para ti estendo os meus braços, a minha vida é terra sedenta de ti. 7 Javé, responde-me depressa, pois o meu alento se extingue! Não me escondas a tua face: eu ficaria como os que baixam à cova. 8 Faze-me ouvir o teu amor pela manhã, pois é em ti que eu confio. Indica-me o caminho a seguir, pois a ti elevo a minha alma. 9 Livra-me dos meus inimigos Javé, pois eu me refugio junto a ti. 10 Ensina-me a cumprir a tua vontade, pois tu és o meu Deus. Que o teu bom espírito me conduza por uma terra aplainada. 11 Javé, por teu nome, conserva-me vivo, e por tua justiça tira-me da angustia. 12 Por teu amor aniquila os meus inimigos e destrói os meus adversários todos, porque eu sou o teu servo.

Súplica do justo perseguido. O justo suplica a Deus, pois sabe que ele é o defensor dos oprimidos. O apelo é sempre à misericórdia, pois diante de Deus ninguém inteiramente justo. A situação é difícil: o justo vive oprimido pelo injusto e sente que a própria resistência está chegando ao fim. A lembrança das ações de Deus no passado sustenta a confiança no presente e reanima a esperança para o futuro. Volta a suplica. O amanhecer é a hora em que Javé responde. A grande motivação da súplica é o nome de Deus, isto é, sua honra: uma vez que o justo se comprometeu com Deus, é a própria honra de Deus que está em jogo”.

REFLEXÃO:

                   O apelo do justo é sempre à misericórdia. Quando se vive oprimido pelos injustos e sofremos sem recorrermos ao Deus de amor é por que queremos sofrer, mas se recorremos ao amor misericordioso de Deus veremos que em meio às grandes perseguições para nós vai ser muito fácil de suportar mesmo quando chorarmos e ninguém compreender tal motivo. A ação de Deus em nossas vidas será muito clara, pois é na dor, na incompreensão, é na perseguição que Deus estará sempre presente na vida do justo; ele que é fiel ao Pai Criador de todas as coisas. Jamais cansarei de convidá-los a participar da corrente de oração e súplica, assim enquanto falas com Deus ficará mais forte diante de todas as tribulações. Com muito carinho e saudade de todos em Cristo Jesus. Deus os abençoe! Aleluia! Até breve.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s