Portadores da benção e do julgamento

1ª Pedro 3, 8-12

DSC_0585

8 Finalmente, tenham todos a mesma atitude, sejam compassivos, cheios de amor fraterno, misericordiosos e de espírito humilde. 9 Não paguem o mal com o mal, nem o insulto com outro insulto; pelo contrário, abençoem, porque para isso vocês foram chamados, isto é, para serem herdeiros da benção. 10 De fato, aquele que ama a vida e deseja ver dias felizes guarde sua língua do mal e seus lábios de proferir mentiras; 11 Afaste-se do mal e pratique o bem, busque a paz procure segui-la. 12 Por que os olhos do Senhor estão sobre os justos e seus ouvidos estão atentos à prece deles. Mas o rosto do Senhor se volta contra os que praticam o mal.

“Pedro se dirige agora à comunidade toda. Para que ela se torne um lar, ele apresenta os elementos mais importantes; compaixão, que consiste em participar da situação do outro; amor fraterno, que tem como um ponto central o serviço; misericórdia que torna possível a convivência entre irmãos que erram; espírito humilde. que não ambiciona o poder e não leva à rivalidade e opressão. E como comportar-se com aqueles que hostilizam a comunidade? O principio fundamental é pagar o mal com o bem. Isso não significa ser passivo ou omisso. Ao contrário, agindo assim, os cristãos se tornam abençoados e portadores da bênção; ao mesmo tempo, tornam-se instrumentos de julgamento que desmascara e desarma os que praticam o mal.”

REFLEXÃO:

                 Amados irmãos e irmãs e irmãs em Jesus Cristo. Sejamos compassivos, cheios de amor fraterno misericordioso e de espírito humilde; tendo como principio fundamental e fugir do mal e praticar o bem, seja com quem for. Como lemos nas Escrituras; “O que não quereis que os outros vos façam, não façais também vós a eles. Tudo se realiza na mesma medida em que dosamos o irmão; receberemos também. Nisso meus irmãos será muito melhor viver das virtudes cristãs, do que fazer para o outro o que não queremos passar. Se quisermos ser portadores das bênçãos; sejamos os primeiros a derramar as bênçãos. Que o Senhor nosso Deus venha em nosso livramento de fazer o mal ao irmãos, como traição perversa.   Rezemos sempre a fim de sermos submissos à santa vontade de Deus. Assim seja! Amém!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s