Primeira Porção da Terra Prometida

Gênesis 23, 1-20

2733543865_60cd7866eb_1 Sara viveu cento e vinte e sete anos, 2 e morreu em Cariat Arbe, hoje Hebron, na terra de Canaã Abraão foi fazer luto e chorar por sua mulher. 3 Depois deixou sua defunta e falou aos filhos  de Het. 4 “Sou imigrante que reside entre vocês. Dêem para mim um túmulo  como propriedade, para eu enterrar minha defunta”. 5 Os filhos de Het responderam a Abraão: 6 “Meu senhor ouça-nos! Você é um príncipe de Deus entre nós; enterre sua defunta no melhor dos nossos sepulcros. Ninguém de nós vai lhe negar a própria sepultura para sua defunta”. 7 Abraão se levantou, fez uma inclinação  diante dos proprietários, os filhos de Het, 8 e lhes falou: “Se estão de acordo que eu enterre minha defunta, ouçam-me  intercedam por mim junto a Efron filho de Seor, 9  a fim de que ele me ceda a gruta de Macpela, que pertence a ele e está no extremo do seu campo. Que ele a entregue para mim pelo preço que vale, diante de vocês, para que seja  minha propriedade sepulcral”. 10 Ora, Efron estava sentado entre os filhos de Het. Então Efron, o heteu, respondeu a Abraão, diante dos heteus e dos que assistiam ao conselho: 11 “Não, meu senhor, ouça-me! Eu lhe dou o campo e também a gruta que está nele. Dou-lhe isso na presença dos filhos do meu povo. Enterre sua defunta”. 12 Abraão se inclinou diante dos proprietários 13 e falou a Efron, na presença dos proprietários: “Se você concorda, ouça-me; eu pagarei o preço do campo. Aceite o pagamento, e eu enterrarei minha defunta”. 14 Efron respondeu a Abraão: 15 “Meu, senhor, ouça-me o terreno vale quatro quilos de prata. O que significa isso para mim e para você? Enterre sua defunta”. 16 Abraão concordou com Efron. Passou para Efron o dinheiro de que falara diante dos heteus: quatro quilos de prata, em uso no mercado. 17 Então, o campo de Efron, que está em Macpela, diante de Mambré, o campo e a gruta que aí existe, e todas as árvores que estão dentro e ao redor do campo, 18 tornaram-se propriedade de Abraão, sendo testemunhas os heteus e os que assistiam ao conselho. 19 Depois Abraão enterrou Sara sua mulher, na gruta do campo de Macpela, diante de Mambré, hoje Hebron, na terra de Canaã. 20 Foi assim que o campo e a gruta passaram dos filhos de Het para Abraão, como propriedade sepulcral.

“O texto ressalta que a promessa da terra começa a tornar-se realidade: ao comprar o terreno de Macpela, Abraão tem pelo menos um lugar pra enterrar seus mortos. É o primeiro pedaço de chão dos antepassados de Israel na terra de Canaã.”

REFLEXÃO:

Amados irmãos em Jesus Cristo. Abraão e Sara foram homem e mulher temente a Deus, até mesmo no momento final, na morte da sua Esposa, Abraão procurou ser o profeta integro na sua postura e no seu papel. Buscou em tudo enterrar a sua esposa com dignidade, e sem querer o que era dos outros; pagou o lugar onde ficaria sepultada a sua esposa, com esmero ele foi fidedigno. Em toda a sua vida este foi o seu primeiro pedaço de terra, não era homem ambicioso; viveu com o necessário. Ele bem sabia que nada levaria depois da morte, somente o bem, a verdade, a integridade com a qual viveu em todos os seus dias. Peçamos também ao nosso Deus, que também nós saibamos viver com fidelidade os dias em que vivermos aqui como passagem, todos nós seremos julgados por Deus, no que fizemos de bom ou não para todos aqueles que passam por nós. “Tudo passa somente o AMOR permanecerá para sempre”. Assim seja! Amém!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s