Vou saber se vocês são sinceros

Gênesis 42, 29-38

os-irmaos-de-jose-vao-comprar-no-egito29- Chegando em casa de Jacó, na terra de Canaã, contaram ao pai tudo o que havia acontecido com  eles: 30  O senhor do país nos falou com dureza e achou que éramos espiões em seu país. 31 Nós lhe dissemos: Somos sinceros, não somos espiões. 32 Nós éramos doze irmãos, filhos do mesmo pai; um de nós desapareceu e o mais novo está agora com o nosso pai na terra de Canaã’. 33 Mas o senhor do país nos disse: ‘vou saber se vocês são sinceros do seguinte modo: deixem comigo um de seus irmãos, enquanto os outros levam os mantimentos para suas famílias que passam fome. 34 Depois, vocês vão me trazer seu irmão mais novo e eu ficarei sabendo se vocês são espiões ou não. Então eu devolverei o irmão de vocês, e vocês poderão circular pelo país. 35 Quando eles foram esvaziar as sacas, cada qual encontrou em sua saca a bolsa de dinheiro. Vendo as bolsas de dinheiro, eles e o seu pai ficaram assustados. 36 Então seu pai Jacó lhes disse: “Vocês estão me deixando sozinho: José desapareceu, Simeão também, e agora querem levar Benjamim! Tudo se volta contra mim! 37 Mas Rúben disse ao pai: “O senhor pode matar meus dois filhos se eu não lhe devolver Benjamim. Entregue-o a mim, e eu o tratarei de volta”. 38 O pai respondeu: “Meu filho não descerá com vocês. Seu irmão morreu e só me resta ele. Se lhe acontecer alguma desgraça na viagem que vão fazer, de tanta dor farão este velho de cabelos brancos descer ao túmulo.

“Benjamim era filho de Raquel, a esposa amada de Jacó: será que os irmãos odeiam Benjamim como odiavam a José?”

REFLEXÃO:

Queridos irmãos e irmãs em Jesus Cristo. Esta história de José do Egito nos dá uma grande lição de vida. Se observarmos, em todas as famílias encontramos tal situação de irmãos que odeiam irmãos, têm inveja, ciúmes dos seus próprios irmãos. Encontramos pessoas igualmente os irmãos de José, que além de tê-lo feito tanta injustiça, agora procura o porquê ele está fazendo assim com eles. Pobrezinhos! Além de fazer tanto mal ao irmão e ao pai, agora se sentem de fazer interrogatórios, considerando-se os bons. A sabedoria que vem do alto não deixa ninguém errar, e sim o leva a fazer discernimentos dignos; o que José procura é chegar até que ponto os seus irmãos mudaram de vida ou se ainda continuam maldosos. Quem um dia fez o mal, destruiu uma vida, é muito difícil uma mudança radical. Para Deus nada é impossível; há sempre uma chance, a mais, basta querer. Hoje somos convidados a trilhar um caminho que nos leva ao bem e somente ao bem, Deus é paciente, Ele está a nossa espera; porém, a decisão para o bem ou para o mal é pessoal. “Deus nos espera, pode ser hoje!” Que saibamos aproveitarmos este tempo que Deus nos oferece, com bênçãos e graças. “Paz e Misericórdia!”

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s