O Projeto da Libertação

Êxodo 3, 16-22

edi_1638_g_16 Vá, reúna os anciãos de Israel e diga a eles: Javé, o Deus dos antepassados de vocês, o Deus de Abraão, o Deus de Isaac e o Deus de Jacó, Ele me apareceu e disse: Eu vim ver vocês e como estão tratando vocês aqui no Egito. 17 Então eu disse: Eu decidi tirar vocês da opressão dos egípcios e levá-los para a terra dos cananeus, heteus, amorreus, ferezeus, heveus e jebuseus, para uma terra onde corre leite e mel. 18 Os anciãos de Israel darão ouvidos a você. Então você irá com eles até o rei do Egito e lhe dirá: Javé, o Deus dos hebreus, veio ao nosso encontro. Por isso, deixe-nos fazer uma viagem de três dias no deserto, para oferecermos sacrifícios a Javé nosso Deus. 19 Entretanto, eu sei que o rei do Egito não os deixará ir, se não for obrigado por mão forte. 20 Portanto, vou estender a mão e ferir o Egito com todas as maravilhas que farei no país. Então ele deixará vocês partir. 21 Farei com que o povo conquiste a simpatia dos egípcios, de modo que, ao partir, não saiam de mãos vazias. 22 As mulheres pedirão a suas vizinhas e às donas de casa, com quem estiverem alojadas, objetos de prata e ouro e roupas para vestir seus filhos e filhas; assim, vocês vão despojar os egípcios.

O texto esboça um verdadeiro programa de ação libertadora. Primeiro, lembra o objetivo da libertação; criar um sistema alternativo ao da escravidão. Depois, apresenta a estratégia para o processo de libertação. 1- reunir os líderes naturais do povo (anciãos) e reivindicar pela via legal que o Faraó permita ao povo ir ao deserto para cultuar a Javé. 2- fracassando a via legal, aplicar medidas de força _ mão forte_ 3- deixar claro que o conflito será contra o poder opressor, e não contra o povo egípcio; 4- exigir uma indenização por todo o tempo em que o povo trabalhou como escravo.”

REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo. Amados irmãos e irmãs, como no passado também hoje tudo se repete. Para Moisés não foi nada fácil como para José. O importante é que Deus vem novamente a libertar o seu povo da escravidão através de Moisés. Sempre ouve e sempre haverá situações de escravidão do ser humano; e não é nada de novo; por isso é necessário que nós estejamos sempre em sintonia com a Palavra de Deus, então veremos que na face da terra o que acontece hoje; já aconteceu no passado, talvez até em um passado distante. Em nossos dias há os profetas de Deus no anonimato, no silêncio, eles falarão quando for a hora de se pronunciar, pois a hora  é o tempo de Deus não é o nosso. Peçamos ao bom Deus que as pessoas de má fé, mentirosas, falsas, hipócritas, e sem Deus não sejam hoje os Faraós, que com atitudes maléficas vão abrindo caminhos tenebrosos, abrindo abismos e jogando os irmãos de surpresa deixando-os aí escravizados como no passado. Só não vê quem não quer. Que Deus venha em nosso livramento. Sejam todos abençoados. PAZ E MISERICÓRDIA!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s