O amor de Deus dá sentido à vida

Salmo 63,1-12

22-vencer_pecado-b2 Ó Deus, tu és o meu Deus, por ti madrugo, minha carne te deseja com ardor, como terra seca, esgotada  sem água. 3 Sim, eu te contemplava no santuário, vendo o teu poder e a tua glória. 4 Teu amor  vale mais   do que a vida: meus lábios te louvarão. 5 Vou bendizer-te por toda a minha vida, e ao teu nome levantar as minhas mãos. 6 Vou saciar-me  como de óleo e gordura, e, com sorrisos, minha boca te louvará. 7 Quando eu me lembro de ti, no meu leito, passo vigílias  meditando em ti, 8 pois tu foste um socorro para mim, e, à sombra de tuas asas, eu grito de alegria. 9 Minha alma está ligada a ti, e tua direita me sustenta. 10 Quanto aos que me querem destruir irão todos para as profundezas da terra. 11 Serão entregues à espada, e verão tornar-se pasto de chacais. 12 O rei, porém, se alegrará com Deus, os que juram por seu nome se felicitarão, quando a boca dos mentirosos for tapada.

Suplica de um levita exilado. Longe do Templo, onde se manifesta a presença do Deus da Aliança, o levita se sente privado do seu elemento vital. Na esperança de voltar um dia participar do louvor e banquetes rituais, o salmista reconhece que o amor de Deus vale mais do que a vida. Esta só tem sentido quando movida por esse amor. Lembrança de Deus, no silêncio da noite. Mesmo longe do Templo e da terra prometida, o exilado sente a presença de Deus que lhe sustenta o ânimo. Trata-se de uma presença muito especial: a ausência sentida. Os inimigos são os deportadores. A menção do rei, talvez, faz pensar que o salmista teria sido deportado em 597 a.C.”.

REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! “Teu amor vale mais do que a vida.” Aqui está meus amados irmãos e irmãs, a essência de nossas vidas; o amor de Deus, afinal de que vale nossa vida, nossas lutas, vitórias e conquistas se deixarmos escapar por entre nossos dedos o amor. Ouvimos muitas vezes que o amor move montanhas, que o amor é mais forte que a morte, então que força haveria maior que esta, uma vez que tudo aquilo que fazemos por nossos irmãos com amor nos torna semelhantes a Nosso Senhor Jesus Cristo o Filho do Deus Altíssimo. E em sua primeira carta São Pedro  nos cita um provérbio que diz: “a caridade fraterna cobre uma multidão de pecados”; (1 Pd 3,4) e o que é a caridade senão o amor incondicional, um amor que não pensa em si mesmo, mas somente nas necessidades do seu próximo. E quem é o nosso próximo? É aquele que se encontra necessitado de alguém que o ajude, afinal em Jesus Cristo somos todos filhos do mesmo Pai. Mas não um pai como os outros; este é o PAI aquele que nos ama com amor sem limites, que não coloca barreiras ou condições para amar e que quanto mais longe se encontra o filho, quanto mais perdido por causa de suas escolhas e de seus pecados tanto mais Ele ama e tenta nos atrair, resgatar, restaurar e nos devolver aquela vida que um dia perdemos ao nos afastar Dele. Então hoje meus irmãos eu convido a todos a buscarmos fazer a experiência do amor de Deus, este amor incondicional, e como faremos? Temos muitas maneiras de demonstrar o amor. No entanto se o fizermos a quem está na “rua” corremos o risco de sermos falsos, então vamos começar dentro de casa com aquele ou aquela que convive conosco e que muitas vezes chega a ser difícil de amar porque conhecemos seus erros e defeitos, mas não nos esqueçamos que é exatamente assim que Deus nos ama, porque Ele nos conhece melhor que nós mesmos, então vamos amar a nossa família primeiro para depois amarmos os outros. Mas não esqueçamos de também rezar por todos aqueles que sofrem sobre tudo os marginalizados e abandonados que muitas vezes não tem ninguém que os ame e ore por eles. Que Deus derrame com generosidade toda sorte de graças dos céus a todos que adentrarem neste Blog hoje. Amém. Assim seja. PAZ E MISERICÓRDIA.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s