Um Projeto Para a Vida

 

Sabedoria, 12, 3-10 e 16-18

bebe-prematuro3 Tu odiavas os antigos habitantes da tua terra santa, 4 porque faziam coisas detestáveis, praticavam magia e ritos sacrílegos. 5 Assassinavam impiedosamente seus próprios filhos, realizavam banquetes em que devoravam entranhas, carne humana e sangue. A esses iniciados em orgias, 6 pais assassinos de seres indefesos, tu os quiseste destruir pela mão de nossos antepassados. 7 Tudo isso, para que esta terra, mais estimada por ti do que qualquer outra, recebesse uma população digna, formada por filhos de Deus. 8 Mas também com eles, porque eram homens, tu os trataste com indulgência, mandando vespas contra eles, como precursores do teu exército, a fim de os destruir pouco a pouco. 9 Tu bem podias ter entregue os injustos na mão dos justos durante uma batalha, ou destruí-los com animais ferozes, ou ainda com uma ordem repentina e sem apelação. 10 Mas tu os castigaste pouco a pouco, dando-lhes oportunidade de se arrependerem, embora não ignorasse que vinham de uma raça perversa, que a maldade deles era inata e que nunca mudariam de mentalidade. 16 De fato, a tua força é princípio de justiça, e o teu domínio universal faz que sejas indulgente para com todos. 17 Tu mostras tua força para quem não acredita na perfeição do teu poder, e confundes a insolência daqueles que o conhecem. 18 Apesar de tudo dominas a tua própria força e julgas com brandura. Tu nos governas com muita indulgência, porque tu podes exercer o poder quando queres.    

“A conquista da terra foi outro grande marco da história do povo. Depois de longamente explorado e oprimido, o povo consegue construir uma sociedade igualitária, voltada para a liberdade e a vida, superando assim os projetos idolátricos que produzem escravidão e morte. Isso trouxe a compreensão de que o projeto de Deus está sempre voltado para a vida. Quem serve a outros projetos acaba por decretar a sua própria ruína, que virá repentinamente ou aos poucos. Nasce então a consciência de que Deus é o Senhor dos povos, e só ele produz a história rumo à construção da liberdade e da vida. Qualquer outro deus levará o povo à própria destruição”.

REFLEXÃO:                                                                                                                                                                        

Louvado Seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amados irmãos e irmãs, vimos dois pontos culminantes da nossa história; de um lado a grande conquista da terra ao povo prometido, sendo esta um marco histórico; de outro lado, a idolatria que produziu escravidão e morte.  Quanto a nós temos a frente dois caminhos, aqueles que querem seguir a vida de libertação e aqueles que preferiram seguir o caminho da sua própria ruína que virá repentinamente ou aos poucos. Se escolhermos o caminho da libertação, não significa que iremos fazer a nossa própria vontade, nosso bel prazer, e muitas vezes exigindo que Deus faça a minha vontade caprichosa. Peçamos hoje a este Deus de Misericórdia que nos dê a graça da sabedoria e da justiça e que em tudo saibamos fazer Sua Santíssima vontade; sem em nada procurar realizar a nossa. Que Deus possa abençoar de maneira especial a todos que buscam sobretudo realizar a vontade do Pai da misericórdia. PAZ E MISERICÓRDIA!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s