Cristo é o único mediador

Cl 1,13-20

cristo-rei-19_11_2013__06_53_1277702c8112615f2388f8e71123c4382ea52b5_640x48013 Deus Pai nos arrancou do poder das trevas e nos transferiu para o Reino do seu Filho amado, 14 no qual temos a redenção, a remissão dos pecados. 15 Ele é a imagem do Deus invisível, o Primogênito, anterior a qualquer criatura, 16 porque nele foram criadas todas as coisas, tanto as celestes como as terrestres, as visíveis como as invisíveis: tronos, soberanias, principados e autoridades. Tudo foi criado por meio dele e para ele. 17 Ele existe antes de todas as coisas, e tudo nele subsiste. 18 Ele é também a Cabeça do corpo, que é a Igreja. Ele é o Principio, o primeiro daqueles que ressuscitam dos mortos, para em tudo ter a primazia. 19 Porque Deus, a Plenitude total, quis nele habitar, 20 para, por meio dele, reconciliar consigo todas as coisas, tanto as terrestres como as celestes, estabelecendo a paz pelo seu sangue derramado na cruz.

“Para animar os colossenses a permanecerem firmes na fé, Paulo cita um hino cristão, provavelmente usado na cerimônia batismal, que canta a grandeza de Cristo. Paulo se serve desse hino para criticar qualquer doutrina que apresente como necessárias outras mediações salvificas, além da de Cristo, Cristo é o único mediador entre Deus e a criação, e só Ele, mediante a cruz, é capaz de reconciliar Deus com as criaturas submetidas ao pecado. A introdução ao hino mostra como o pecado interferiu na criação, fazendo com que a obra de Cristo se tornasse redentora mediante uma nova criação.”

REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo, amados irmãos e irmãs; a saberem foi na plenitude dos tempos que Deus quis habitar no meio do seu povo; mesmo quando pelo seu povo não era aceito. Pois foi em Deus o Pai das Misericórdias que tudo foi criado, nos céus e na terra, as visíveis e as invisíveis. Ele existe antes de todas as coisas, pois tudo nele subsiste. Jesus Cristo, o Filho muito amado de Deus, é o único mediador entre Deus e a criação, e só Ele mediante a sua CRUZ, só Ele é capaz de reconciliar Deus com as criaturas submetidas com o pecado. Foi através da introdução do hino do apóstolo Paulo que mostra como o pecado interferiu na criação, fazendo com que a obra de Cristo se tornasse redentora mediante uma nova criação. Peçamos a graça da fé ao bom Deus para podermos permanecer fieis e íntegros, bondosos, honestos e sinceros.

“Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens por Ele amados”. Assim seja! Amém! Paz e Misericórdia!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s