Você é homem e não Deus

Ezequiel 28, 1- 9 e 13-19

daniel-interpreta-o-sonho-de-nabucodonosor—1 Recebi de Deus a seguinte mensagem: 2 “Criatura humana, diga ao príncipe de Tiro: Assim diz o Senhor Javé: O orgulho se apoderou do seu coração e você disse: ‘Eu sou um deus, sentado em trono divino, bem no coração do mar’. Mas você é apenas homem e não deus. Você acreditava que era igual aos deuses. 3 Você é de fato mais sábio que Danel, e nenhum mistério é obscuro para você. 4 Com sua sabedoria e inteligência, você adquiriu riqueza e acumulou ouro e prata em seus tesouros. 5 Sua esperteza no comércio é tão grande, que você multiplicou a sua fortuna e se elevou com a força da riqueza. 6 Por isso diz o Senhor Javé: Você igualou seu coração ao coração de Deus. 7 Pois bem!  Vou trazer contra você os mais ferozes povos estrangeiros: eles desembainharão a espada contra a sua bela  sabedoria e profanarão o seu esplendor, 8 farão você descer à cova e você morrerá de morte violenta, bem no coração do mar. 9 Será que você ousará dizer diante de seus matadores: ‘Sou um deus’? Mas você é apenas um homem e não deus, entregue ao poder de quem o matará. 13 Você morava no paraíso, no jardim de Deus, coberto de pedras preciosas de todas as espécies: rubi, topázio, diamante, crisólito, cornalina, jaspe, lápislazúli, turquesa  e berilo; e de ouro eram trabalhados seus pingentes e jóias. Tudo isso lhe vinha sendo preparado desde o dia da sua criação. 14 Fiz de você um querubim protetor de asas abertas. Você ficava na alta montanha  de Deus, passeando entre pedras de fogo. 15 Desde que foi criado você era perfeito em todos os seus passos, até que se encontrou a maldade em você. 16  De tanto negociar, você encheu-se de violência e pecados. Então eu o expulsei da montanha de Deus e o fiz perecer, ó querubim protetor, no meio das pedras de fogo. 17 Seu coração se exaltou com sua beleza, e sua sabedoria se corrompeu por causa do seu esplendor. Por isso, eu o atirei no chão, fazendo de você um espetáculo para os reis. 18 Por causa de sua grande injustiça e do seu comercio desonesto, você profanou o meu santuário. Por isso, fiz brotar dentro de você um fogo para o devorar.  Eu o reduzi a cinzas no chão, diante dos que admiravam você. 19 Todos os povos que o conheceram ficaram espantados diante de você, porque você se tornou um objeto de espanto, e nunca mais existirá.

“O julgamento contra o rei de Tiro mostra o caminho da perversão humana, que arruína a pessoa na sociedade. O processo começa aplicando a inteligência no comercio. Este se perverte e se transforma em esperteza, que através da injustiça e desonestidade, consegue o lucro, que nada mais é que um roubo. Daí por diante tudo rola como bola de neve: a acumulação do lucro se transforma em capital,  isto é, em riqueza (soma total de todos os roubos). Nesse momento, começa outro processo: a riqueza compra o poder, e este multiplica a violência e opressão, levando as pessoas a se curvarem diante do poderoso e rico patrão que começa  a considerar-se onipotente e, no auge da alienação, profere a blasfêmia: “Eu sou um deus”. As coisas, porém não ficam assim: tudo o que se constrói sobre a mentira virá abaixo através da verdade, que mais cedo ou mais tarde se revela. Basta dizer a palavra que desmascara o perverso processo da riqueza e do poder, para atear o fogo que os destruirá”.

REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amados irmãos e irmãs, hoje nos é dado a possibilidade da compreensão que quando o orgulho apodera da criatura humana, se caso ela seja sábia e inteligente, é o suficiente para se igualar ou se colocar como um deus. Há um perigo até para com aqueles que são aparentemente, bondosos, humildes, íntegros deixar o orgulho invadir seu coração, sua cabeça isto seria o suficiente para colocar-se em lugar de ídolo e deuses. Este texto nos chama a atenção para que não esqueçamos de que somos criatura e não deus. Entrando o profano, a injustiça, a maldade, o mesmo poderá chegar ao ponto de profanar o Templo de Deus. Saibamos que tudo aquilo que adquirirmos através da: injustiça, desonestidade, mentira, no auge da alienação chegaremos a proferir a blasfêmia; ficando bem claro, tudo aquilo que adquirirmos no alicerce da mentira virá abaixo através da VERDADE. Peçamos a graça de Deus para podermos ser fieis rumo ao paraíso o qual foi destinado a todos nós; e que sejamos por Ele abençoados. PAZ E MISERICÓRDIA!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s