Puseram-se a Caminho e chegaram a Belém

Rute 1,18-22 e 2,1-7

r-518 Noemi viu que Rute estava decidida a ir com ela, e não insistiu mais. 19 Puseram se a caminho e chegaram a Belém. Logo que entraram na cidade, todo mundo se alvoroçou, e as mulheres comentavam: “Não é a Noemi?” Mas Noemi corrigia: “Não me chamem de Noemi. Me chamem de Mara, porque o Todo-poderoso me encheu de amargura. 21 Parti com as mãos cheias, e Javé  me traz de volta de mãos vazias! Não me chamem de Noemi, porque Javé está contra mim e o todo-poderoso me tornou infeliz”. 22 Foi assim que Noemi voltou dos Campos de Moab, junto com sua nora Rute, a moabita. Chegaram a Belém quando estava começando a colheita da cevada. Noemi tinha um parente por parte do marido. Era uma pessoa importante do clã de Elimelec, e chamava Booz. 2 Rute, a moabita, disse a Noemi: “Deixe-me ir ao campo onde estão colhendo cevada. Se alguém me deixar, irei atrás dele catando umas espigas”. Noemi concordou: “Pode ir, minha filha”. E Rute foi ao campo catar o restolho das espigas, atrás dos catadores. E por acaso foi parar num, dos campos de Booz, do clã de Elimelec. 4 Nesse momento Booz estava chegando de Belém e cumprimentava os cortadores: “Javé esteja com vocês”. Eles responderam: “Javé o abençoe”. 5 Então Booz perguntou ao capataz: “Quem é aquela moça?” 6 O capataz respondeu: “É uma moabita, que voltou com Noemi dos Campos de Moab, 7 e me pediu para catar o restolho das espigas. Ela chegou de manhã e está de pé até agora, sem parar um só momento”.

“O restolho da colheita, comumente oferecido às divindades, deve ser deixado para os pobres, porque no projeto de Javé os bens devem ser partilhados entre todos. As sobras por tanto, não devem ser acumuladas, mas distribuídas aos pobres. O texto de Rute, porém deixa entender que até esse direito havia se tornado em favor ou esmola, sujeito ao capricho dos privilegiados. Para reconquistar sua liberdade e vida, o povo tem que lutar para reconhecer e fazer valer seus direitos, endereçando a sociedade para a concretização do projeto de Javé.”

REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo. Amados irmãos e irmãs, se observarmos bem, a humildade que Rute se revestiu para acompanhar a sua sogra; para muitos já seria “eis sogra”, pois o seu marido já havia morrido, vendo Rute que Noemi ficara sozinha no seu peregrinar decidiu se revestir da mais bela roupagem “A humildade” virtude esta que lhe deixará a mulher mais bela ao lado de Noemi. Por que é que esta virtude é tão difícil para ser vivida? É exatamente por que esta virtude exige que morramos ao nosso querer próprio e abrace a realidade do outro, principalmente quando é para viver totalmente do seu amor e misericórdia para socorrer o irmão sofredor. Que Deus Pai, hoje venha nos dar aquela graça especial da santa humildade, para que possamos realizar o projeto de Deus em nossos dias PAZ E MISERICÓRDIA!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s