O inimigo do Reino-A força do Reino

Mateus 13, 24-33

trigal-plantacao— 24 Jesus contou outra parábola à multidão: “O Reino do Céu é como um homem que semeou boa semente no seu tempo. 25 Uma noite, quando todos dormiam, veio o inimigo dele, semeou joio no meio do trigo, e foi embora. 26 Quando o trigo cresceu, e as espigas começaram a se formar, apareceu também o joio. 27 Os empregados procuraram o dono e lhe disseram: ‘Senhor, não semeaste boa semente no teu campo? Donde veio então o joio?’ 28 O dono respondeu: ‘Foi algum inimigo que fez isso’. Os empregados lhes perguntaram: ‘Queres que arranquemos o joio?’ 29 O dono respondeu: ‘Não. Pode acontecer que, arrancando o joio, vocês arranquem também o trigo. 30 Deixem crescer um e outro até a colheita. E no tempo da colheita direi aos ceifadores: arranque primeiro o joio e o amarrem em feixes para ser queimado. Depois recolham o trigo no meu celeiro!’” — A Força do Reino — 31 E Jesus contou outra parábola: “O Reino do Céu é como uma semente de mostarda que um homem pega e semeia no seu campo. 32 Embora ela é a menor de todas as sementes, quando cresce, fica maior do que as outras plantas. E se torna uma arvore, de modo que os pássaros do céu vêm e fazem ninhos em seus ramos” — O Reino transforma— 33 Jesus contou-lhes ainda outra parábola: “O Reino do Céu é como o fermento que uma mulher pega e mistura três porções de farinha, até que tudo fique fermentado!”

“O Messias já veio. Então, por que o Reino ainda não se instalou definitivamente? Resposta de Jesus: Isso não se deve a imperfeição natural dos homens, mas a uma sabotagem premeditada, feita por aquele que quer usurpar a autoridade de Deus no mundo. Não cabe aos homens fazer a separação entre bons e maus, pois só Deus pode fazer o julgamento. Por que será que o Reino parece não estar se expandindo no mundo? A comunidade dos discípulos parece desaparecer no meio dos homens. Num segundo momento, porém, ela exerce ação transformadora no seio da sociedade”.

REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amados irmãos e irmãs, se bem percebemos, hoje, Jesus quer mostrar que o Reino dos Céus é semelhante ao trigo e ao joio, à semente de mostarda e ao fermento, Ele nos mostra através de coisas que o homem e a mulher usam no seu trabalho. Interessante, as colocações do Mestre. Quando refletirmos veremos que tudo vai se transformando de uma maneira nova, renovadora e transformadora. As coisas que vai se revelando o Reino do Rei Jesus, aos olhos humanos é algo muito pequenino, igual à semente de mostarda, e que depois ficará frondosa; comece com coisas pequeninas e insignificantes aos nossos olhos depois veremos que já não mais compreenderemos, pois somos apenas um instrumento nas mãos de Deus, a obra quem realiza é o próprio Deus. Busquemos as pequeninas coisas aos olhos dos homens e veremos que será traduzida em realezas, quando deixarmos nas mãos do Pai. Que sejamos todos abençoados neste dia com muita paz. Paz e Misericórdia!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s