Jesus veio para servir

João 13,1-11

lava-pesO dinamismo da fé é o amor ―1 Antes da festa da Páscoa, Jesus sabia que tinha chegado a sua hora. A hora de passar deste mundo para o Pai. Ele, que tinha amado os seus que estavam no mundo, amou-os até o fim, 2 Durante a ceia, o diabo já tinha posto no coração de Judas Iscariotes, filho de Simão, o projeto de trair Jesus. 3 Jesus sabia que o Pai tinha colocado tudo em suas mãos. Sabia também que tinha saído de junto de Deus e que estava voltando para Deus. 4 Então Jesus se levantou da mesa, tirou o manto, pegou uma toalha e amarrou-a na cintura. 5 Colocou água na bacia e começou a lavar os pés dos discípulos, enxugando com a toalha que tinha na cintura. 6 Chegou a vez de Simão Pedro. Este disse: “Senhor tu vais lavar os meus pés?” Jesus respondeu: “Você agora não sabe o que estou fazendo, Ficará sabendo mais tarde.” 8 Pedro disse: “Tu não vais lavar os meus pés nunca!” Jesus respondeu: “Se eu não o lavar, você não terá parte comigo”. 9 Simão Pedro disse: “Senhor, então podes lavar  não só os pés, mas até as mãos e a cabeça”. 10 Jesus falou: “Quem já tomou banho, só precisa lavar os pés, porque está todo limpo. Vocês também estão limpos, mas nem todos.” 11 Jesus sabia quem o iria trair; por isso é que ele falou:  “Nem todos vocês estão limpos”.

“A morte de Jesus abre a passagem para o Pai e testemunha o amor supremo que mostra o sentido de toda a sua vida. O gesto de Jesus é ensinamento: a autoridade só pode ser entendida como função de serviço aos outros. Pedro resiste, porque ainda acredita que a desigualdade é legítima e necessária, e não entende que o amor produz igualdade e fraternidade”.

REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amados irmãos e irmãs, como se torna poderosa a nossa reflexão se levarmos muito a sério, aquilo que aconteceu com Jesus. Vimos hoje que em lugar de muito respeito e amor, isto para não tocar em lugares que exige das pessoas muito respeito, percebemos que também ali existe este Judas Iscariotes. Quando encontramos pessoas que parecem lindas, porém há algo muito oculto, e que tem atitude do Iscariotes. Então, há pessoas idôneas que não simpatizam com abraços e beijos, e sabem por quê? Elas sabem que por trás de um abraço e um beijo há também muitas falsidade, mentiras e até o que não gostaríamos a traição. Peçamos hoje a Deus a graça de sermos fiéis, de sermos íntegros com aqueles que são nossos amigos verdadeiros; pois a maior dor é a dor da traição. E ninguém merece! Quem for fiel nas pequeninas coisas, serão confiado muito mais. PAZ E MISERICÓRDIA!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s