Escravos de Deus e da justiça

Arrebatamento - Eliseu Antonio Gomes _ Belverede15 E daí? Devemos cometer pecados, porque já não estamos debaixo da Lei, mas sob a graça? “De forma nenhuma!” 16 Vocês não sabem que, oferecendo-se a alguém como escravos para obedecer, vocês se tornam escravos daquele a quem obedecem, seja do pecado que leva a morte, seja da obediência que conduz à justiça. 17 Damos graças a Deus, porque vocês eram escravos do pecado, mas obedeceram de coração ao ensinamento básico que lhes foi transmitido. 18 Assim, livres do pecado, vocês se tornaram escravos da justiça. 19 Falo com palavras simples por causa da fraqueza de vocês. Assim como antes vocês puseram seus membros a serviço da imoralidade e da desordem que conduzem à revolta contra Deus, agora ponham seus membros a serviço da justiça para a santificação de vocês. 20 Quando eram escravos do pecado, vocês eram livres em relação à justiça. 21 Que frutos colheram então? Frutos de que agora se envergonham, pois o fim deles é a morte. 22 Mas agora, livres do pecado e tornados escravos de Deus, vocês dão frutos que conduzem à santificação e o fim deles é a vida eterna. 23 Pois a morte é o salário do pecado, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Jesus Cristo, nosso Senhor.

“Paulo realiza o que disse antes; o cristão não deve ser apenas instrumento, mas escravo de Deus e da justiça; deve ser alguém que se empenha total e exclusivamente na realização do projeto de Deus. E nesse serviço não existe relação comercial, com o pecado; a recompensa é dom gratuito de Deus, que é a própria vida.”

REFLEXÃO:

Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Amados irmãos e irmãs, de maneira alguma temos direito de pecar; mesmo sabendo que estamos sujeitos ao pecado; a partir do momento em que aceitamos o seguimento de Jesus Cristo o Filho do Deus Vivo não significa que deixamos de ser pecadores, porém, devemos buscar a vida de honestidade e de integridade ao Deus de amor e da Misericórdia. Precisamos ter uma consciência bem clara do seguimento a Cristo; é ser e fazer parte do discipulado dele, procurando no dia a dia conhecê-Lo, pois ninguém ama e muito menos segue aquilo que não conhece bem. Hoje somos convidados a sermos discípulos de Cristo, na fé, na fidelidade, na alegria e nesta busca fiel do seu conhecimento. Se a recompensa é dom gratuito de Deus, que é a própria vida, então vamos aprofundar neste discipulado, a recompensa será duradoura.  Confiante no infinito amor de Deus por aqueles que são fieis peçamos a graça do seguimento, da fidelidade, então estaremos firmes neste Projeto de amor do Pai Eterno. Que assim seja! Amém! Paz e Misericórdia!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s